Quinta, 30 de Julho de 2020 09:44

Subsídio de ônibus aumenta em SP

Segundo o TCU, na capital paulista a remuneração poderá extrapolar em R$ 850 milhões e um dos principais motivos é a pandemia de coronavírus

Divulgação

O Tribunal de Contas do Município de São Paulo estima que em 2020, os subsídios ao sistema de ônibus na capital paulista vão extrapolar em R$ 850 milhões o valor previsto no orçamento, chegando a mais de três bilhões de reais.

Segundo o TCM, somente no primeiro trimestre deste ano, a remuneração às empresas de ônibus da cidade de São Paulo, em alguns casos, superou 500% do previsto em contrato, pressionando os subsídios para o segundo trimestre.

Segundo a análise do TCM, em geral os valores de remuneração superaram em mais de 100% a tarifa-técnica, mas foram registrados pagamentos 500% maiores.

Os ajustes foram automáticos, com base em regras de contrato.

De acordo com a nota técnica do órgão de contas, informada nesta semana, entre os principais motivos de os valores subirem nestas proporções está a diminuição de passageiros provocada pela pandemia e a consequente queda na arrecadação tarifária.

Desenvolvido por: PontoCOM Desenvolvimento